Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O fumo do meu cigarro

Apenas um outro blog

O fumo do meu cigarro

Apenas um outro blog

Pensamentos desordenados

Novembro 05, 2017

Bruno

Já se passou o Halloween. Já se passou o dia dos mortos (de finados, de todos os santos e sabe Deus que mais).

O véu entre o mundo dos mortos e o nosso foi levantado. Novamente colocado. Houveram manifestações de outros lugares. Houveram corações abertos. 

Tenho pensado em muita coisa para escrever e não tenho escrito. Tenho pensado em coisas inúteis, em coisas sobre as quais seria interessante escrever, oferecer pontos de vista aleatórios. Tenho pensado que há muito a dizer e que podia escrever aqui, de forma desligada e crua. Não o tenho feito.

Tem chovido torrencialmente. Tem trovejado. Entre abertas, vislumbra-se a imensa lua cheia, que ilumina o céu com o seu azul pálido. Penso que há caminhos que devia evitar.

Recordo-me do que vejo. Do que pressenti, sem falhar uma. E a lei da atracção, acreditam nisso? Queria começar com isto. Acreditam que temos o poder de atrair aquilo que desejamos só pelo desejo e pelo pensamento?

Recordo uma fase algo complicada, com uma história igualmente complicada, com uma pessoa. Recordo de andar com medo e de sentir-me seguido pelas ruas. Recordo que, quando batia a saudade, quando o pensamento se demorava exageradamente em ti, tu aparecias.

Penso que tenho andado com um certo receio. Há um amigo do qual nada sei há uns tempos. Soube que estava em Espanha e que houve qualquer coisa mais (os detalhes não importam). Mas tenho pensado imenso nele, ultimamente, fico a imaginar que ele vai voltar. Fico a pensar que ele, talvez, venha mudado. Fico a pensar que aqueles pedidos engraçados, para irmos dar uma volta, voltem, que eu aceite e que as coisas corram mal (e não estou a ironizar).

Ultimamente, tenho sentido tanta coisa, que daria para escrever e desenhar. Houvesse disposição e menos preguiça. 

São horas de dormir.. Sete da manhã. 

Até mais logo. 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D