Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O fumo do meu cigarro

O fumo do meu cigarro

25
Out16

Mágoa

Bruno

Será que alguma vez se acorda do pesadelo? Será que alguma vez se atinge tamanha altura, que nos sentimos como que no trono do mundo? 

 

Não sei que sentimentos fazem com que uma alma se eleve. Não recordo se, vez alguma, elevei-me. Não sei que é feito do sentimento, que parece cada vez mais obscuro. Não sei que sensação ou que emoção andam por aí.

 

Calma. 

Tem calma.

A chuva cairá. As folhas cairão. As árvores que parecem mortas, renascerão em toda a sua glória, mal regresse a Primavera. Toda a mágoa terá um fim. 

Terá? 

 

Não há palavras. 

Não há nada. 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D