Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O fumo do meu cigarro

O fumo do meu cigarro

04
Mar17

Eu sou assim (afirmação)

Bruno

 Eu sou assim.

Através de eras, através de enigmas, através Del Rey, através das sombras mais escuras da minha alma, dos meus fados, das tardes frias de fim de Inverno, vou vivendo.

Não me interessa mais do mesmo. Não me interessa ficar aqui, sem manobra, sem brio, sem nada. Não me interessa que o dia chegue ao fim. Não me interessam as fantasias do que seja. Não me interessa mais, que viver na penumbra.

Eu sou assim.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D