Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O fumo do meu cigarro

O fumo do meu cigarro

04
Mar17

...

Bruno

33fe10bd-6416-4cf6-8a33-ae5bee81fada.jpg

Acontece.

Acontece que haja tanta coisa para viver, que não sobre para escrever. Tanta coisa para experimentar, tanta coisa para observar, tanta observação para absorver.

Acontece que hajam tantas horas, vividas e sentidas, que não haja tempo ou necessidade para se escrever.

Acontece que haja incapacidade de escrever e, então, vive-se toda essa poesia, todo esse fado vivido.

Acontece, sim.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D